Atalho do Facebook

Seguidores

15 novembro 2012

Quando eu falo que esses medicos fdp so pensam em dinheiro ninguem acredita, e ainda me criticam .

Leiam. se interessar é claro.  Repasse se concordar, pois informação nunca é demais.
Coisas que parecem simples podem ser mais simples ainda, muitas pessoas nao teriam a necessidade de fazer tal retirada de orgão se nao fosse esse infeliz dinheiro.
Os medicos dizem ''Tal orgão nao vai fazer falta ele nem serve p muita coisa''
Se nao servisse ,nao estaria la, concorda?
Deus colocou cada coisa no seu lugar pra determinada funçao, somente no ultimo do ultimo caso, provadamente que aquele tal orgão nao esta mais funcionando ,ai sim retira-se.
Questione, Converse!
 Pois vc é quem se conhece,peça tudo que for exame para provar que tal orgao é um inutil dentro de vc.


TRATAMENTOS PARA PEDRAS NA VESÍCULA


O tratamento pode ser feito com o uso de produtos naturais (tratamentos alternativos), medicamentos (para dissolver as pedras) ou através de cirurgia para a retirada da vesícula (colecistectomia).

Existem tratamentos alternativos que em muitos casos resolvem o problema, e sem dúvida, o uso deles deveria ser a primeira opção de tratamento nos casos em que não existe gravidade ou risco de complicações. Em um segundo momento, quando estes tratamentos alternativos não surtem o efeito resolvendo o caso, os pacientes ainda podem recorrer a alguns medicamentos que apesar de muitas vezes causarem efeitos colaterais, atuam dissolvendo os cálculos biliares e certamente ainda são menos agressivos que uma cirurgia.

Infelizmente, os ótimos resultados financeiros obtidos com as cirurgias (colecistectomia por laparoscopia), muitas vezes fazem com que a retirada cirúrgica das pedras na vesícula sejam normalmente a primeira recomendação adotada por muitos médicos. A remoção da vesícula biliar já é uma das cirurgias mais praticadas no Brasil, e a maioria delas é realizada por via laparoscópica. O termo médico para este procedimento é colecistectomia videolaparoscópica, onde a operação é realizada através de quatro pequenos orifícios de 0,5 cm no abdomen e geralmente o paciente fica um dia internado no hospital e retorna às atividades normais em 10 a 15 dias.

Na maior parte dos casos as pedras na vesícula são assintomáticas e os pacientes geralmente nem sabem que estão com o problema. Em mais de 80% destes casos, o paciente só descobre que está com pedra na vesícula quando sente uma cólica biliar. Estudos mostram que fitoesteróis em cápsulas, uma colher diária de óleo de oliva, cloreto de magnésio pa, chá de folha de abacateiro e o chá de agulhas de pinheiro utilizados alternadamente durante alguns meses normalmente diluem e eliminam a pedra na vesícula. O índice de sucesso varia de 40-80% e o tratamento em geral dura de 6 a 12 meses. Importante esclarecer que após a eliminação das pedras na vesícula é importante manter uma dieta equilibrada e sem a ingestão exagerada de gorduras para que o organismo não volte a formar os cálculos biliares.

Nos casos em que a utilização dos complementos naturais citados não são suficientes para eliminar as pedras na vesícula, pode-se recorrer a medicamentos específicos. Porém, infelizmente, ainda é enorme o número de pessoas que são operadas indevidamente e sem a real necessidade.

Em alguns casos, os sintomas invocados para justificar uma cirurgia (azia, desconforto e enfartamento do estômago, vómito cíclico etc.), nem sempre são causadas pelas pedras e muitas vezes reaparecem depois da operação.

O exame de escolha para o diagnóstico normalmente é a ultra-sonografia. A partir do diagnóstico de pedra na vesícula, deve-se avaliar a melhor opção de tratamento.

Nos pacientes assintomáticos que encontram uma pedra acidentalmente em exames de rotina, em geral a conduta é sem o uso de cirurgia. Trabalhos mostram que menos de 15% das pessoas com pedras assintomáticas desenvolvem sintomas em um prazo de 10 anos. E as que desenvolvem, o fazem como cólica biliar, e não colecistite ou outras das complicações possíveis.

2 comentários:

  1. Olá amiga adorei seu blog e já estou te seguindo,venha conhecer meu blog e ser minha seguidora também.Bjus!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. te seguindo....lindos seus trabalhos.... :)

      parabens

      Excluir